Buscar
  • Daniel Lopez

O Revolucionário Primitivo

Hoje você vai entender o motivo pelo qual a esquerda defende os marginais. Na ótica esquerdista, o criminoso é uma espécie de Robbin Hood (“rouba dos ricos para dar aos pobres”). O ladrão atuaria como um “revolucionário primitivo”, pois estaria implementando a revolução socialista sem saber.

Para Marx, o grande mal da humanidade é a luta de classes. E qual seria a solução para esse problema? Acabar com a diferença das classes, por meio da expropriação dos meios de produção, da extinção da propriedade privada e da imposição forçada da igualdade. Como o criminoso rouba de quem tem para dar a quem não tem, ele não apenas estaria expropriando a propriedade privada, mas reduzindo a diferença de classes. Este é o motivo pelo qual a esquerda defende o criminoso como “vítima da sociedade” e condena a vítima do roubo por ser o “burguês” que esbanja seus bens materiais. Muito louco isso não? Mas é exatamente assim que eles pensam.

Obviamente, quem descortinou essa verdade ao público brasileiro foi o professor Olavo de Carvalho. Por meio de sua obra, você não apenas entende essas loucuras da esquerda mas compreende o motivo pelo qual o mundo está tão estranho e irracional hoje.

Uma maneira muito interessante de iniciar um mergulho na obra do prof. Olavo é a leitura da sequência “A Nova Era e a Revolução Cultural” e “O Jardim das Aflições”. A editora Vide lançou uma caixa com os 2 volumes, por meio da qual você paga um valor com desconto especial.


Me diga sua opinião nos comentários.


Deixo um link da Amazon para você adquirir o livro aqui citado. Comprando por meio do link, você ajuda o meu trabalho.


Eu QUERO essa caixa com desconto.

193 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

marxismo desmascarado

“Luta” (em alemão, “kampf”) é um dos termos mais utilizados por Karl Marx no “Manifesto do Partido Comunista”. Luta contra o que? Segundo ele, contra a exploração do pobre pelo rico. Qual seria a caus

DESINFORMAçÃO

Há várias maneiras de mentir para o público. A forma mais celebrizada é o que hoje ficou conhecido como “fake news”. Significa apresentar a mentira sem qualquer melindre. Agora, quando a informação fa

a mentira do desarmamento

Há momentos em que a manipulação midiática atinge níveis ao mesmo tempo inaceitáveis e ridículos. Por exemplo, no último atentado que houve na Nova Zelândia, quando um idiota massacrou dezenas de pess

  • Cinza ícone do YouTube
  • Grey Instagram Icon
  • Grey Facebook Icon
  • Grey Twitter Icon

© Copyright 2018 • Daniel Lopez • Todos os Direitos Reservados